4 Erros que eu cometi em minha carreira de TI (E que você deveria evitar) - 3o Erro - Diga Não a Carreira em Y.

September 18, 2017

 

 

 

 

 Até pouco tempo atrás, a única forma de crescer em uma empresa era no sentido vertical, ou em “Y”, como é conhecida entre os gestores do mundo corporativo. Na carreira em Y, o profissional, assim que atinge um determinado nível de conhecimento e experiência, precisa escolher entre dois caminhos: a carreira gerencial ou a técnica.

 

É neste ponto que quero colocar o meu erro. Eu ainda não tinha esta visão mais atualizada e sistêmica que o mercado vem adotando, portanto, quando cheguei a um determinado ponto de minha carreira em duas empresas que trabalhei, meus ex gestores e diretores chegaram para mim e disseram: " Diego agora a gestão da área é sua. Você conhece bem o ambiente, tem um perfil que acreditamos ser o ideal para a gestão operacional da equipe e tem já um bom tempo de empresa como técnico sênior. Esta na hora de você escolher entre a gestão ou a técnica.

 

Hoje não me arrependo da decisão tomada e novamente, ligando os pontos, vejo que foi a decisão certa, mas se um colega mais novo me perguntar qual seria a meu conselho para ele se ele estivesse na mesma situação que eu e sob a mesma pergunta dentro do contexto da carreira em Y. Eu diria a ele: "DIGA NÃO A GESTÃO". 

 

Sei que este assunto pode gerar muita discussão, pois há pontos sensíveis em dizem não ao seu diretor para uma promoção (Afinal de contas, o mundo corporativo acreditava que isso era uma promoção). Sua esposa e amigos dirão que você é maluco e que ficará mal visto na empresa. Mas hoje, no atual momento do mercado, eu diria que não. Você não vai ficar mal visto e não vai perder a oportunidade da sua vida. As empresas hoje (principalmente de TI), estão adotando uma forma de gestão mais horizontal e se o Board da empresa não se atualizar, meu amigo, seu barco está furado.


Por muito tempo esse modelo vertical de ascensão (a famosa carreira em Y) supria as necessidades da empresa e agradava a todos. Porém hoje, devido à complexidade de várias organizações e a multidisciplinaridade dos profissionais, um modelo novo e mais dinâmico, foi necessário. Foi quando surgiu a Carreira em “W”, que consiste em uma perna a mais, a opção de carreira de "Gestor de Projetos" ou "Agile Coach".

Esse modelo proposto por Rigaud, tem como objetivo fazer com que o profissional lidere, mas consiga manter paralelamente suas especialidades. Ou seja, isso quer dizer que um técnico não precisa deixar de colocar a mão na massa para se tornar também um líder.


Esse tipo de carreira é composto por vários elementos, garantindo maior flexibilidade, versatilidade e dinamismo para ambas as partes. O profissional, por exemplo, será capaz de administrar sua própria rotina, dedicando sua atenção a algumas tarefas técnicas e a liderança de seu time, tirando o máximo de cada profissional. O google chama estes profissionais de: "Inteligentes Criativos".

 

Portanto pessoal, se eu pudesse voltar no tempo, eu teria dito não a carreira em Y, voltado meu tempo para me especializar ainda mais em minha carreira técnica, mas já começando a olhar o lado de gestão. Hoje muitos profissionais seguem esta linha. Vou deixar inclusive aqui algumas dicas de leituras que no meu ponto de vista são essenciais para qualquer pessoa, seja técnico ou não.

 

Esperto ter ajudado pessoal, contem comigo para qualquer dúvida em um de nossos canais. (Facebook, Instagram e o Blog).

 

 

Fiquem com Deus e como sempre digo: Força, Fé e Foco.

 

 

 

Dicas de leitura:

  • Startup Enxuta, Eric Ries

  • A Inteligência Emocional na Formação do Líder de Sucesso, Daniel Goleman

  • A arte de fazer o dobro do trabalho na metade do tempo, Jeff Sutherland

  • Managment 3.0, Jurgen Appelo

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

RECENT POST

August 2, 2019

Please reload

  • Grey Twitter Icon
  • Grey LinkedIn Icon
  • Grey Facebook Icon

© 2017 by Coffee Ip. 

  • English Version
  • Instagram do Coffee IP
  • Twitter Social Icon
  • Facebook do Coffee IP